CONSELHO DELIBERATIVO DA FEBRAFISCO APROVA FILIAÇÃO DA FEDERAÇÃO À PUBLICA E À CONACATE

A diretoria executiva da FEBRAFISCO se reuniu em Brasília nos dias 08 e 09 de agosto, sob convocação do presidente Antonio Germano Torres Soares, tendo na pauta deliberações importantes a serem feitas, bem como acompanhar a votação do PLP 257/2016 na Câmara dos Deputados.
cONACATE 2

Na segunda feira, dia 07 de agosto, os membros da FEBRAFISCO, Antonio Germano Torres Soares – Presidente, Marcos Sérgio da Silva ferreira Neto – Secretário Geral, Joy Luiz Monteiro da Silva – Secretario –Adjunto e Edson Luis da Silva – membro do Conselho Deliberativo, participaram, como convidados, do congresso realizado pela CONFELEGIS onde foi aprovado a modificação do nome da entidade para CONACATE – Confederação Nacional das Carreiras Típicas de Estado. Na ocasião o presidente da FEBRAFISCO adiantou aos presentes o interesse da federação integrar o rol de filiados da CONACATE, dependendo apenas da aprovação do Conselho Deliberativo da entidade, que iria deliberar em reunião a ser realizada no dia 08.
Em reunião do Conselho Deliberativo, o primeiro ato foi eleger o presidente do conselho para o triênio 2016/2019. Na oportunidade, foi eleito por unanimidade o Presidente do SITESP – Sindicato dos Técnicos Tributários do Estado de São Paulo, Sr. Joaquim Teodoro Goma. O conselho também deliberou e aprovou a filiação da FEBRAFISCO à PÚBLICA – Central do Servidor e à CONACATE – Confederação Nacional das Carreiras Típicas de Estado, buscando assim fortalecer as entidades que buscam defender as categorias de servidores públicos.
CONACATE

Para o presidente  da Conacate (ex-Confelegis), Antonio Carlos Fernandes Júnior, e da Pública e Sindilegis, Nilton Paixão, a FEBRAFISCO será bem vinda para engrossar o rol de filiados e fortalecer a luta pelos interesses de todos. Segundo Antonio Germano, “ vemos na Pública e na Conacate entidades sérias e comprometidas em defender os interesses dos servidores públicos do Brasil.”
cAMARA plp 257

No ensejo, em Brasília, os diretores da FEBRAFISCO empenharam-se no combate às injustiças impostas pelo PLP 257/2016, articulando com vários deputados federais, onde sem sombra de dúvida, destacou-se a atuação do Deputado Weliton Prado de Minas Gerais (líder do PMB na Câmara), que pediu, veementemente, a retirada dos pontos prejudiciais aos servidores públicos, a exemplo do congelamento salarial, o impedimento de concursos públicos, não convocação de aprovados em concursos, dentre outros.

Fonte: FEBRAFISCO

Publicado em Notícias gerais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *