Presidenta do Sindireceita destaca a necessidade de novos concursos

A presidenta do Sindireceita, Sílvia de Alencar Felismino, em entrevista concedida ao site Folha Dirigida, disse que continuará lutando pela abertura de novos concursos. “Já estamos em contato com o Ministério da Fazenda, com o Ministério do Planejamento e com Casa Civil. Também vamos trabalhar no Congresso Nacional para pressionar pela abertura do concurso público para o cargo de Analista-Tributário em 2014, da mesma maneira que lutamos intensamente pela convocação de todos os excedentes”, afirmou Sílvia na última quarta-feira, dia 12 de março.

A convocação de mais 691 aprovados no último concurso para o cargo, foi resultado de um trabalho desenvolvido pelo Sindicato, com a participação dos candidatos que aguardavam pela convocação e que contou com o apoio de vários parlamentares. A situação foi objeto, inclusive, de audiência pública promovida no fim do ano passado na Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público da Câmara dos Deputados.

Sílvia de Alencar argumentou ainda que a convocação dos 691 excedentes do último concurso, que tomaram posse no fim do mês passado, reforça vários setores do órgão, como atendimento e aduana, mas não resolve o problema da carência de servidores. Segundo a presidenta do Sindireceita, incluindo os servidores recém-empossados, a Receita conta com aproximadamente 8 mil Analistas-Tributários em atividade, para uma necessidade de aproximadamente 17 mil servidores. “Ou seja, a Receita Federal conta hoje com pouco mais de 40% dos ATRFBs que necessita.”

A presidente do Sindireceita lembrou também que os grandes eventos que serão realizados no país, como a Copa do Mundo de futebol, este ano, e os Jogos Olímpicos de 2016, irão exercer uma forte pressão no controle de pessoas, mercadorias e veículos, sendo necessário ampliar o quadro de servidores da Receita para que o órgão possa atender à demanda. A sindicalista ressaltou que é preciso contratar, principalmente, mais Analistas-Tributários, que, segunda ela, são os servidores que atuam na fiscalização de bagagens, no controle de entrada e saída de veículos e mercadorias do país e no atendimento ao turista e ao contribuinte em portos e aeroportos e postos de fronteira seca.

Sílvia de Alencar afirmou que, atualmente, há carência de Analistas-Tributários em praticamente todos os setores e unidades da Receita, fazendo-se necessário seguir com a abertura de mais concursos para o cargo. “Somente com uma política contínua de contratação de Analistas-Tributários é que a Receita Federal conseguirá melhorar seus serviços e tornar a Administração Tributária mais eficiente”, avaliou.

 

fonte: SINDIRECEITA

Publicado em Notícias gerais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *